sábado, 24 de fevereiro de 2018

Armadilhas do Ego


Se você acha que é mais “espiritual” andar de bicicleta ou usar transporte público para se locomover, tudo bem, mas se você julgar qualquer outra pessoa que dirige um carro, então você está preso em uma armadilha do ego. 

Se você acha que é mais “espiritual” não ver televisão porque mexe com o seu cérebro, tudo bem, mas se julgar aqueles que ainda assistem, então você está preso em uma armadilha do ego. 

Se você acha que é mais “espiritual” evitar saber de fofocas ou noticias da mídia , mas se encontra julgando aqueles que leem essas coisas, então você está preso em uma armadilha do ego. 

Se você acha que é mais “espiritual” fazer Yoga, se tornar vegano, comprar só comidas orgânicas, comprar cristais, praticar reiki, meditar, usar roupas “hippies”, visitar templos e ler livros sobre iluminação espiritual, mas julgar qualquer pessoa que não faça isso, então você está preso em uma armadilha do ego.

 Sempre esteja consciente ao se sentir superior. A noção de que você é superior é a maior indicação de que você está em uma armadilha egóica. O ego adora entrar pela porta de trás. Ele vai pegar uma ideia nobre, como começar yoga e, então, distorce-la para servir o seu objetivo ao fazer você se sentir superior aos outros; você começará a menosprezar aqueles que não estão seguindo o seu “caminho espiritual certo”. Superioridade, julgamento e condenação. Essas são armadilhas do ego."


AUTOR DESCONHECIDO


Encontrei este texto na internet, de autor desconhecido. É uma ótima oportunidade para reflexão. Super concordo com ele, ninguém é superior a ninguém, somos apenas diferentes. Todo ser deveria ser tratado como igual, não somos melhores que ninguém portanto devemos nos livrar de julgar e condenar.

9 comentários:

  1. Gostei de ler, como sempre!


    Beijo e um bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  2. O próprio acto de julgar é ele mesmo uma armadilha do ego!...
    É tão fácil ver o mundo pelos nossos olhos... e contudo, é tão difícil ver o mundo dos outros... por não termos a mínima noção do mundo deles!
    Uma belíssima e interessante partilha, Érika!
    Beijinhos! Bom fim de semana!
    Ana

    ResponderExcluir
  3. Quem julga seja lá porque motivo está irremediavelmente atado às armadilhas do ego. Um texto super interessante, Érika
    Beijos e um maravilhoso final de semana

    ResponderExcluir
  4. E todos deveríamos refletir sobre o mesmo!
    bj e gosto da partilha

    ResponderExcluir
  5. E todos deveríamos refletir sobre o mesmo!
    bj e gosto da partilha

    ResponderExcluir
  6. Um texto muito interessante que nos obriga a refletir.
    Abraço e bom domingo

    ResponderExcluir
  7. Ótima reflexão sobre o ato de julgar. Submeter-se a ele ou valorizá-lo vejo ser falta de serenidade e de respeito às individualidades.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  8. "Superioridade, julgamento e condenação. Essas são armadilhas do ego." Concordo. Um texto de reflexão que gostei de ler.
    Uma boa semana.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  9. Concordo em absoluto... Mas também há o outro lado: as outras pessoas, de ego tão cheio que se sentem criticadas e diminuídas quando veem bons exemplos e nos acham arrogantes quando temos práticas mais espirituais e equilibradas. É muito difícil de lidar, porque nem vale a pena explicar, mas faz-se o esforço para isso não perturbar a nossa paz :) beijinhos

    ResponderExcluir

Agradeço seu comentário!