Selecione o idioma para traduzir os textos do blog.

quarta-feira, 2 de janeiro de 2019

Quanto mais salgada a água, mais doce a vida! 


Praia de Iracema - Fortaleza/ Ce

14 comentários:

  1. Me encantan las imágenes y me apunto la frase. Que seas feliz, abrazos

    ResponderExcluir
  2. Que lindo e eu também me3 sinto feliz,muito feliz quando no mar estou! beijos, chica

    ResponderExcluir
  3. Que o ano de 2019 lhe traga tudo o que mais quer, principalmente saúde, amor e paz.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  4. Olá Érika, obrigada pela visita ao meu blog e a receita para "anos novos' melhores.
    A gente sempre tenta que sejam dias melhores.
    Tento viver minha vida do jeito que acho certo.
    E com um comportamento semelhando ao que passei para meus filhos.
    Mas, não tem deus por aqui.
    Nem faço nada pensando em religião, se não tenho religião.
    Mas respeito quem tem.
    Sou ateia, viu?
    Desejo que tenha saúde que para mim é o mais importante.
    Dias felizes para nós.

    ResponderExcluir
  5. Azuis deliciosos quando se pretende frescura e refrigério.
    Os meus azuis são belíssimos, mas andam gelados...
    Dias de férias tranquilos e felizes.
    Abraço, Érika
    ~~~

    ResponderExcluir
  6. Bom dia querida Erika.
    Vou começar a seguir seus conselhos, tem alguns livros que quero ler e não tenho tempo, com essas dicas acho que conseguirei terminar de ler o livro espirita recomeçar, e quem sabe ler outros. Um lindo 2019 cheio de muitas alegrias amiga. Grande abraço.

    ResponderExcluir
  7. Oi Erika,

    Morei perto da praia, descia a cada 15 dias, molhava só os pés na água e como minha pele sempre foi muito fina, passava protetor, esperava a onda quebrar na praia e respingava em mim.
    Depois eu e meu marido íamos comer camarão e tudo que vendia por lá.
    À noite voltava à praia, ouvia o barulho triste das ondas do mar, olhava o céu parecia a Lua me sorrir. Dava tchau a ela, pegávamos o carro para subir a serra passava do lado de São Bernardo do Campo e chegava a Santo André, onde morávamos.
    Foi bom quando adotei meu filho com dez dias quase morto, eu por pouco não morri para salvá-lo.Hoje é um crioulo alto, lindo de 36 anos, olhos verdes, o garanhão das mulheres: economista, contabilista e tem bom trabalho, educado e amoroso comigo e meu segundo marido, pois o outro morreu.Trabalhei na prefeitura de Santo André(parte burocrática), depoi fui lecionar nas duas cidades que já citei.
    Moramos no interior, estou aposentada a tempos e curtindo os anos doloridos que me faltam para dormir para sempre..
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  8. Quanto mais doce.....,mais salgado nos parece.
    Obrigado pela visita.ao meu Blog
    Beijo

    ResponderExcluir
  9. Imagens maravilhosas! Adoro praia!... Pelo que as suas palavras, fazem todo o sentido!...
    Beijinhos
    Ana

    ResponderExcluir

Agradeço seu comentário!