Selecione o idioma para traduzir os textos do blog.

sábado, 19 de agosto de 2017


O sofrimento é um bom professor para os que aprendem com ele, rapidamente e de boa vontade, mas torna-se um tirano para os que resistem e se ressentem. O sofrimento pode nos ensinar quase tudo. Suas lições nos estimulam a desenvolver discernimento, autocontrole, desapego, moralidade e consciência espiritual transcendente. Uma dor de estômago, por exemplo, nos diz para não comermos em excesso e prestarmos atenção ao que comemos. A dor resultante da perda de riquezas ou de pessoas queridas nos lembra a natureza temporária de todas as coisas neste mundo de ilusão. As consequências das ações errôneas nos impelem a exercitar o discernimento. Por que não aprender por meio da sabedoria? Dessa maneira você não se submeterá à dolorosa disciplina desnecessária – deste rude capataz: o sofrimento.

Paramahansa Yogananda, 
Onde Existe Luz

Um comentário:

  1. Realmente, muitas vezes deixamos de ser racionais para sermos emocionais apenas... Então, nossa ignorância se sobrepõe ao bom discernimento e aceitação.
    Abraço.

    ResponderExcluir

Agradeço seu comentário!