sábado, 21 de abril de 2012

A Mensagem do Amor Universal

Quase mil anos antes de Martin Luther King, viveu na Itália uma pessoa extraordinária. Um homem, cuja perfeição humana e cristã era tão grande, que foi declarado santo pela Igreja Católica: Francisco de Assis. Além de outras qualidades, era dotado de extraordinária sensibilidade poética. Dele é esta oração, em forma de poema, que se tornou um dos hinos mais cantados entre as religiões cristãs de todo o mundo.
 
Senhor, fazei-me um instrumento de vossa paz.
Onde houver ódio, que eu leve o amor.
Onde houver ofensa, que eu leve o perdão.
Onde houver discórdia, que eu leve a união.
Onde houver dúvida, que eu leve a fé.
Onde houver erro, que eu leve a verdade.
Onde houver tristeza, que eu leve a alegria.
Onde houver trevas, que eu leve a luz.

Ó Mestre, fazei que eu procure mais
consolar, que ser consolado,
compreender, que ser compreendido, 
amar, que ser amado.
Pois é dando que se recebe
é perdoando que se é perdoado
e é morrendo que se vive 
para a vida eterna.

2 comentários:

  1. Opsss...Na outra postagem não consegui comentar!!Adorei suas carinhas e amei a temática do blog e as postagens.Seguindo-as com mt prazer!!!Bjsss

    ResponderExcluir

Agradeço pelo seu comentário!